Investir em novas posições pode fazer toda a diferença para quem busca apimentar a relação. Porém, apostar em outras técnicas também pode surpreender você e o seu parceiro na hora de sentir e proporcionar prazer. Uma dessas técnicas é o beijo grego. Não sabe o que é? A gente te explica e te dá dicas para que seja feito corretamente.

Beijo grego

Afinal, o que é beijo grego?

O beijo grego pode ser chamado também de analingus e nada mais é que sexo oral anal. A técnica recebe esse nome por ser muito realizada na Grécia Antiga e pode ser praticada tanto por homens quanto por mulheres. Por se tratar de uma zona erógena de muita sensibilidade, o contato com o ânus, principalmente quando feito com a língua, pode garantir um prazer único.

Porém, a prática pode representar algo delicado na relação, principalmente quando feito em homens. Alguns têm preconceitos e resistência na hora de receber qualquer tipo de contato com o ânus, pois acham que isso pode afetar a sua masculinidade. Então, é necessário intimidade e paciência: ir chegando aos poucos nessa região pode evitar desconfortos e constrangimentos.

Além disso, cuidados coma higiene pode ser fundamental. A limpeza anal é indispensável na hora do beijo grego. A ausência de pelos também é muito importante, tanto para manter a região mais limpa, quanto para facilitar na hora das "carícias".

Agora que você já sabe o que é o beijo grego e os principais cuidados que deve ter com ele, vamos ao prazer.

Beijo grego 2

Para que o beijo grego seja prazeroso, é melhor que a boca esteja molhada com bastante saliva. Comece beijando, e passando a língua no ânus do seu parceiro com movimentos circulares e para cima e para baixo.

Para esquentar mais, você pode endurecer a língua, para deixá-la mais pontuda, e penetrá-la no início do ânus da pessoa que estará recebendo o prazer do beijo grego. Outros estímulos também podem ser interessantes para deixar o sexo ainda mais picante. Dar leves arranhões no bumbum ou leves mordidinhas e beijos nessa região também podem aumentar a satisfação do momento, assim como colocar o dedo no ânus, principalmente quando for um homem recebendo o prazer, já que o ponto g masculino fica localizado na próstata, entre o ânus e os testículos.